Mostra Maquinações: arte, tecnologia e invenções no Sesc Piracicaba

Máquinas, traquitanas, improvisos e criatividade. Obras nada convencionais de artistas-inventores são os ingredientes principais da exposição Maquinações – Homens, Máquinas e a Invenção do Cotidiano, aberta no último dia 6, na Área de Exposições do Sesc Piracicaba. Com curadoria de Fred Paulino, a mostra segue para visitação gratuita até 8 de dezembro, de terça a sexta, das 13h30 às 21h45, e aos sábados, domingos e feriados, das 9h30 às 18h. Para agendamentos de grupos fechados é preciso solicitar pelo sescsp.org.br/piracicaba na aba agendamento.

Na abertura, o espetáculo Pareidolia – Arte Sonora e Improvisação, com o Coletivo de Música Experimental Eletrônica Kallpp, levou composições improvisadas envolvendo quatro planos distintos que reverberam e interagem entre si: corpo, som, luz e pensamento. Trata-se de misturas fugazes como paisagens visuais, sonoras e do corpo em movimento que se cristalizam e desfazem em matérias que tremem, esforçam, esticam, comprimem, dilatam, respiram, iluminam e se encontram com sons eletrônicos e eletroacústicos.


Na mostra, o público conhecerá obras de 14 artistas e coletivos brasileiros e estrangeiros que apresentam seus trabalhos, apostando mais na interação do que na interatividade, no analógico sobre o digital, na reutilização ao invés do consumo, e em soluções e técnicas acessíveis em contraponto às complexidades contemporâneas. São: Fischli & Weiss (Suíça), Ganso, Azucena Losana (México), Abraham Palatnik e Guto Lacaz, ao lado dos artistas Daniel Herthel, Maurizio Zelada, Milton Marques, Motta & Lima, Paulo Nenflídio, Sara Lana, Xande Perocco, Zaven Paré e coletivos do Brasil e exterior. “Tenho interesse em investigar a relação dos artistas com a criação de aparatos técnicos, com uma proposta de arte eletrônica que tenha a marca do improviso, da precariedade, do despojamento e do reuso de materiais”, explica o curador.


Fred Paulino é designer e idealizador do conceito de Gambiologia - “ciência da gambiarra”. Maquinações reflete sobre a criação e operação de máquinas por artistas que são inventores de engenhocas e atuam na intersecção entre arte, ciência, tecnologia e vida. São criadores que transformam seus ateliês em oficinas, suas oficinas em laboratórios, seus laboratórios em extensão da vida. “Teremos a ousadia de fazer uma exposição de arte e tecnologia que não conta com nenhum computador na galeria. Independentemente da mídia utilizada, me interessa uma arte que seja sensível, esteticamente propositiva e, mesmo assim, suscite questões políticas, tecnológicas e sociais”, enfatiza.


ACESSIBILIDADE


A exposição Maquinações – Homens, Máquinas e a Invenção do Cotidiano contará com a Visita com mediação em Libras, no próximo domingo (22), às 10h15. Destinada para público surdo e interessados na Libras (Língua Brasileira de Sinais), a visita será mediada pela equipe de educadores da exposição, com a participação de Glaucio Camargo, tradutor intérprete em Libras e arte-educador.


SERVIÇO


Exposição Maquinações - Homens, Máquinas e a invenção do cotidiano: visitação até 8 de dezembro, de terça a sexta, das 13h15 às 21h30, e aos sábados, domingos e feriados, das 9h30 às 18h. Local: Área de Exposições do Sesc Piracicaba, à rua Ipiranga, 155, no Centro. Telefone: (19) 3437-9292. Site: www.sescsp.org.br.


Posts em destaque
Postagens Recentes
Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon

© 2017 by Eliana Teixeira. Proudly created with Wix.com