Sesc recebe 41ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo

A partir desta terça-feira, 14, o Sesc Piracicaba inicia as exibições dos longas que integram a itinerância da 41ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo em unidades do Sesc do interior paulista. Em Piracicaba, os filmes serão exibidos no Teatro da unidade e os ingressos por exibição são gratuitos para trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciados no Sesc e dependentes. Os ingressos custam R$ 6,00 para aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante e R$12,00 para o público em geral. A compra deve ser feita sempre na bilheteria da unidade.

O filme O dia depois será exibido na próxima segunda-feira, às 14 horas


Em sua 41ª edição, a Mostra deste ano faz um apanhado do que o cinema contemporâneo mundial está produzindo, além das principais tendências, temáticas, narrativas e estéticas produzidas em todo o mundo. Segundo Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc São Paulo, o cinema, como manifestação artística, tem o potencial de sensibilizar o olhar, instigando os sentidos a experimentarem, mesmo que por semelhantes lembranças, parte de uma complexa realidade cultural e humana. “Diversidade esta apresentada nos filmes da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, que, em parceria com o Sesc, circula em diferentes unidades da Instituição na capital, no interior e no litoral”, ressalta.

PROGRAMAÇÃO – Confira as sinopses da Mostra: The Square – direção de Ruben Östlund, traz no elenco: Claes Bang, Elisabeth Moss e Dominic West. Christian é o respeitado curador de um museu de arte contemporânea, um pai divorciado, mas dedicado, que dirige um carro elétrico e apoia boas causas. Sua próxima exposição é The Square, uma instalação que convida os transeuntes ao altruísmo, mas às vezes é difícil viver de acordo com seus próprios ideais. Vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes. Nesta terça-feira, 14, às 20 horas. Teatro. Classificação 14 anos; O jovem Karl Marx – direção de Raoul Peck, traz no elenco: August Diehl, Stefan Konarske e Vicky Krieps. Aos 26 anos, Karl Marx embarca com a mulher, Jenny, para o exílio. Em Paris, eles conhecem Friedrich Engels, filho do dono de uma fábrica que estudou o nascimento do proletariado inglês. Engels traz a Marx a peça que faltava para o quebra-cabeça de sua visão de mundo. Juntos, eles lideram uma completa transformação política e social do mundo. No próximo domingo, 19, às 17h30. Teatro. Classificação 12 anos.


Petra Biondina Volpe é diretora do filme Mulheres Divinas


Na próxima semana, a programação continua, com os filmes: O dia depois – direção de Hong Sang-soo e no elenco: Kwon Haehyo, Kim Minhee e Kim Saebyuk. É o primeiro dia de trabalho de Areum em uma pequena editora. Bongwan, seu chefe, terminou recentemente o relacionamento que mantinha com a funcionária que trabalhou ali anteriormente. Hoje também, Bongwan, que é casado, sai de casa na manhã ainda escura e parte para o trabalho. Naquele dia, sua esposa encontra um bilhete de amor, explode no escritório e acaba confundindo Areum com a mulher que ele deixou. Dia 20, segunda, às 14 horas. Teatro. Classificação 12 anos; Mulheres divinas – direção de Petra Volpe e no elenco, Marie Leuenberger, Max Simonischek e Rachel Braunschweig; Nora é uma jovem dona de casa que mora em uma pequena cidade com o marido e os dois filhos. O interior da Suíça permanece à parte dos grandes movimentos sociais surgidos em 1968. A vida de Nora tampouco é afetada; ela é uma pessoa pacata, de quem todos gostam. Até começar a lutar publicamente pelo direito ao voto feminino, que os homens devem decidir nas urnas no dia 7 de fevereiro de 1971. Dia 26, domingo, às 17h30. Teatro. Classificação 14 anos.

Estão na programação de dezembro: O amante de um dia – direção de Philippe Garrel e no elenco: Eric Caravaca, Esther Garrel e Louise Chevillotte. Essa é a história de um pai, sua filha de 23 anos - que volta para casa depois de terminar um relacionamento - e sua nova namorada, que também tem 23 anos e vive com ele. Dia 3, domingo, às 17h30. Teatro. 14 anos; Uma espécie de família – direção de Diego Lerman e no elenco: Bárbara Lennie, Daniel Araoz e Claudio Tolcachir; Malena é uma médica de classe-média em Buenos Aires. Certa tarde ela recebe uma ligação do Dr. Costas dizendo que ela deve ir imediatamente para o norte do país: o bebê que ela estava esperando está prestes a nascer. De repente e sem pensar, Malena decide partir em uma viagem incerta, cheia de encruzilhadas, nas quais ela precisa lidar com obstáculos legais e morais. Ela se pergunta constantemente até que ponto está preparada para conseguir o que mais quer. Filme vencedor do Prêmio do Júri de melhor roteiro no Festival de San Sebastián. Dia 5, terça, às 20 horas. Teatro. 14 anos; Visages, Villages – direção de Agnès Varda e JR. Agnès Varda e JR têm coisas em comum: a paixão por imagens e, mais particularmente, o questionamento sobre os lugares onde elas são mostradas e a maneira como são compartilhadas e expostas. Agnès escolheu o cinema. JR escolheu criar galerias fotográficas ao ar livre. Quando os dois se conheceram, em 2015, imediatamente quiseram trabalhar juntos: fazer um filme na França, longe das cidades. Em encontros aleatórios ou planos pré-concebidos, eles partem em direção a outras pessoas e as convidam a segui-los em sua viagem no caminhão fotográfico de JR. Filme vencedor do Olho de Ouro de melhor documentário no Festival de Cannes. Dia 7, quinta, às 20 horas. Teatro. 10 anos.

A Mostra conta ainda com os filmes: De Encontro com a Vida – direção de Marc Rothemund e no elenco: Kostja Ullman, Jacob Matschenz, Anna Maria Mühe. Saliya ficou parcialmente cego quando adolescente. Apesar disso, não desistiu do seu sonho de trabalhar em um hotel de luxo. Sem contar a ninguém que mal vê, o rapaz consegue um estágio no hotel mais conceituado de Munique. No entanto, quando Saliya se apaixona por Laura, seu plano, cuidadosamente elaborado, começa a desmoronar. Dia 10, domingo, às 17h30. Teatro. 10 anos; 24 Frames – direção de Abbas Kiarostami. “Um dia, quando eu não tinha nada para fazer, comprei uma Yashica barata e saí pela natureza. Eu queria estar em contato com ela. Ao mesmo tempo, desejava compartilhar com os outros momentos agradáveis que testemunhei. É por isso que comecei a tirar fotografias. Para, de alguma maneira, eternizar esses momentos de paixão e dor...”. Dia 17, domingo, às 17h30. Teatro. Livre.

SERVIÇO – Sesc: rua Ipiranga, 155, no Centro. Mais informações, pelo telefone: (19) 3437-9292, no site (sescsp.org.br/piracicaba) e facebook.com/sescpiracicaba

Posts em destaque
Postagens Recentes
Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Clean
  • Instagram Clean
  • White YouTube Icon

© 2017 by Eliana Teixeira. Proudly created with Wix.com